Diminuir letra Aumentar letra
NOTÍCIAS

27/05/2018
Exposição à poluição antes do nascimento pode causar pressão alta

polu.jpg

Crédito da imagem: Shutterstock

Segundo estudo, bebês que foram expostos a pequenas partículas de poluição antes do nascimento, especialmente durante o terceiro trimestre de gestação, são 61% mais propensos a terem pressão arterial elevada durante a infância.

A afirmação é de uma pesquisa publicada no periódico Hypertension, da American Heart Association, por cientistas da Universidade Johns Hopkins, dos Estados Unidos.

A análise envolveu 1.293 gestantes e, depois, seus bebês. A pressão arterial dos pequenos foi medida durante exames físicos entre os três e os nove anos de idade.

A pressão arterial sistólica foi considerada elevada quando estivesse 10% mais alta do que o limite estabelecido por entidades norte-americanas como adequado para cada idade.

Os pesquisadores também ajustaram outros fatores conhecidos por influenciar a pressão alta na infância, como peso ao nascer e tabagismo materno.

Os resultados mostraram que crianças expostas a níveis mais altos da poluição do trânsito ou da queima de óleo, carvão e madeira apresentaram 61% mais chances de ter pressão arterial elevada na infância em comparação com aquelas expostas a níveis mais baixos.

A maior exposição à poluição do ar no terceiro trimestre, quando o ganho de peso fetal é mais rápido, já era conhecida por influenciar o baixo peso ao nascer, mas a nova pesquisa encontrou associação com a pressão arterial elevada independente deste fator.

A poluição do ar foi medida através da leitura das estações de monitoramento da qualidade do ar mais próximas do endereço da mãe no período de gestação e usada para estimar a exposição em cada trimestre da gravidez.

Os resultados reforçam a necessidade de reduzir as emissões de PM 2,5, tipo de material particulado oriundo da poeira mineral e da queima de combustíveis fósseis que afeta o organismo mais que qualquer outro poluente. Para os pesquisadores, mudanças são necessárias para salvar a vida do planeta e das pessoas.